• Pedro Santos

Chuva (2015) Daqui (2014) Intrio (2008)

Chuva

Com a chuva, a vida nasce e se refaz.

A água lubrifica a alma da Terra,

Traz vida à voz, dá voz ao mar e maqueia florestas.

Abriga o bebê até seu nascimento.

É tempestade quando lhe convém;

Destrói cidades e se transforma em lama, onde ninguém é capaz de respirar.

Por vezes somos água da vida, por vezes lama.

Em tudo Deus é sempre Deus, o mesmo Deus de eterno amor.


  • Músicas
  • 1. Chuva Pedro Santos
  • 2. Zé confuso Pedro Santos
  • 3. Assembléia Pedro Santos
  • 4. João 14 Pedro Santos
  • 5. Multidão Sem Voz Pedro Santos / Gabriel Ferreira
  • 6. Vida Pedro Santos
  • 7. Graça Everton Santos / Pedro Santos
  • 8. Amor Pedro Santos
  • 9. Últimas Palavras Pedro Santos
  • Ficha técnica
  • Pedro Santos - Percussões e Violão
  • Everton Santos - Cavaquinho

Também disponível no...

Autobiografia

Sou Pedro Fillipe Rodrigues dos Santos, filho de Rubens Batista dos Santos e Sebastiana Rodrigues Gomes, irmão do Everton Santos e do Ruben Santos. Nasci em São Paulo, na zona norte, Tucuruvi, e ali comecei a dar meus primeiros passos como humano.

Conheci música ainda criança através do meu irmão Everton, que tocava bateria na igreja e depois me ensinou. Com ele, aprendi o "chá com pão" e depois fui andando com minhas próprias pernas até os 15, quando, já em Ribeirão Preto, conheci um grande baterista e depois um percussionista sinfônico, que ensinaram mais do instrumento e me ajudaram a entrar na Universidade de São Paulo.

Na universidade aprendi mais sobre música. Em Ribeirão Preto conheci alguém que mudaria minha estória, que me faz viajar em sonhos e de quem, hoje, sou marido e divido toda minha vida e meu futuro. Essa mulher que me acompanha todos os dias é amiga, namorada, confidente, noiva, e agora esposa, eu a amo além das estrelas! Ainda em Ribeirão Preto, conheci um grande amigo e, a partir daí, surgiram as parcerias musicais. Aos 22 anos, voltei pra São Paulo, onde pude me desenvolver ainda mais como baterista e conhecer pessoas que me ajudaram a enxergar a música de maneira mais profunda.

Um músico/poeta me ajudou a organizar a vida e entender como posso melhor vivê-la; um produtor/cineasta me ajudou a pensar sociologia e cristianismo; um argentino que abriu seu estúdio e sua casa para me ensinar mais de música e tecnologia; um publicitário me ajudou a pensar a concepção do meu trabalho; além dos músicos que caminharam e ainda caminham comigo pelas madrugadas conversas à fora sobre arte/música.

Em todas essas relações, pude enxergar mais Deus e cristianismo. A cada um desses grandes amigos citados acima, agradeço à Deus pela oportunidade de conhecê-los e poder caminhar junto nessa jornada.

Amo vocês!


De meu pai, Rubens, herdei o samba; de minha mãe, Tiana, herdei o sertão;
De meu irmão, Everton, ganhei a bateria; de meu irmão, Ruben, a gratidão;
De Gabriel ganhei a parceria; de Inácio e Luiz, a instrução;
De Minoru, ganhei poesia; de Davi, entendi mais da razão;
De Cláudio, ganhei alquimia; de Mateus, a beleza da concepção;
De uma garota, ganhei o que mais queria, ela é Patrícia e me deu seu coração.
Deus, que é compositor da vida, me deu família, amigos e seu amor, que é imensidão.



Parceiros

Contato

Envie uma mensagem
Encontre-me
(11) 97602-8118
contatopedrosantos@gmail.com



Redes sociais